segunda-feira, agosto 1

XADREZ, QUEM NÃO GOSTA?


Oi pessoal, gostaria de compartilhar com vocês um pouquinho sobre os tipos de xadrez existentes mundo afora. Afinal, quem não gosta ou nunca teve uma peça xadrez no guarda roupa?

Decidi escrever um pouquinho sobre este tema porque esta padronagem nos possibilita criarmos peças para diferentes estações e ocasiões. Desde blazer, saias, shorts, camisas, calças até acessórios como cachecóis, sapatos e bolsas.

Aliás este é um tipo de peça que dificilmente não nos deixa elegantes, mas claro, assim como qualquer padronagem deve ser bem combinada com o look por completo.

Eu particularmente amo de paixão e tenho muitas peças em meu guarda roupa. Quando saio para comprar tecidos fico enlouquecida nas prateleiras de xadrez, e quase sempre não resisto.




Pied-de-poule:
Do francês "pé de galinha". A diferença para pied-de-coq está no tamanho da estampa que é miúda.
Foi Coco Chanel quem o transformou em um clássico e popularizou a padronagem, usando-a nos seus clássicos tailleurs.



Pied-de-coq:
A estampa bicolor é maior e lembra a pegada de um galo, daí o seu nome "pé de galo", em francês. Veja que exatamente a mesma estampa do pied-de-poule, diferenciando apenas no tamanho.



Prince of Wales:
(Príncipe de Gales): o original desta padronagem de xadrez é o preto e branco, porém encontra-se em outras cores. Perfeito para roupas de alfaiataria pela predominância de cores sóbrias, como o cinza e o preto, marrom e bege. Sempre em tons neutros, ele é discreto e elegante.



Tartan Escocês:
Em inglês, tartã significa tecido de lã leve. Originário das padronagens utilizadas pelos clãs escoceses sendo cada tipo de padrão referente a um clã. Ele é trama fechada, possuindo diferentes listras que ao se cruzarem formam o xadrez.





Xadrez Vichy:
De quadradinhos coloridos sobre um fundo branco são muito usados desde a década de 50. Este tipo de xadrez aparece bastante no artesanato. São muitos os tons. A estampa é original da cidade francesa de Vichy, que fabricada tecidos leves de algodão para aventais e camisas.



Argyle:
É o xadrez com padrão a desenhos em losangos transpassado por listras geralmente em cores contrastantes, muito comum em suéter masculino, de cores sóbrias, cítricas ou pastel.




Buffalo:
Também conhecida como Buffalo Plaid, é uma forma mais simples de xadrez com apenas duas cores e listras mais grossas. É tipicamente americana e considerada a estampa dos lenhadores. Diz a lenda que recebeu este nome porque os índios trocavam couro de búfalo por este tecido. Parece ter origem remota no tartan escocês do clã MacGregor (vermelho e preto).


Burberry:
É um padrão clássico da grife homônima. Possui fundo rosado com linhas em branco, preto e vermelho, é considerado o xadrez mais famoso do mundo.




Grunge:
Listras largas combinadas com listras mais finas,ganhou popularidade a partir dos anos 80 e se consolidou nos anos 90, até hoje muito usado.




Madras:
Xadrez de fio tinto que é formado na tecelagem, surgido na Índia, na cidade de mesmo nome, atualmente chamada Chenna.




Old England:
Tradicional da antiga Inglaterra, sua padronagem lembra a do tartan, encontramos este xadrez em diferentes tecidos inclusive o soft.







Não esqueçam! Caso você tenha alguma sugestão de um tema que gostaria que eu falasse aqui no blog, basta me escrever no yrmabortolleto@gmail.com

Beijão :D
Yrma Bortolleto




Nenhum comentário: